Digital clock

sábado, 29 de outubro de 2011

Hoje (36)




Hoje...
estou carente de silêncios
estou comigo e ninguém mais!
A vida passa lá fora
e eu adormeço meus ais...
Não quero, não posso, não vou!
Não me chamem, por favor!
Entendam os meus sinais.


(29/10/11)

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Sentimentos V...(26)


A moça vê da janela
a vida passar por ela,
ela sonha, ela espera,
ela chora na janela...
A moça não sai da janela,
parece uma sentinela,
não é feia, nem é bela,
mas ninguém olha pra ela.
A moça cansou da janela,
não queria ser donzela,
resolveu virar cadela,
fechou de vez a janela...

...e sentiram a falta dela!


17.10.11





domingo, 16 de outubro de 2011

Sentimentos V...(25)

Flashes
Fatos
Focos
Famas
Festas
Flagras
Flertes
Flamas.

Ilusões...





16.10.11

sábado, 15 de outubro de 2011

Sentimentos V...(24)


Combatido
Combatente
Condoído
Consciente
Condutor
Condizente
Companheiro
Confidente
Professor...


15.10.11

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Sentimentos V (23)



Hoje tem criançada!



-Tem, sim Senhor!



Hoje tem palhaçada!



- Tem, sim Senhor!






E a bagunça qual é?



Tá na ponta do pé!






Na boneca que fala,



brincadeiras de rua,



um passeio no Zôo,



inocência mais pura!



Alegrias trocadas,



balas e travessuras,



aproveita, criança,



esta data tão sua!









12.10.11






domingo, 9 de outubro de 2011

Sentimentos V...(22)



Ele pôs formol nas lembranças



e ama, e goza, trocentas vezes.



Mantendo vivo aquele amor



que nada mais significa.



Ora venera, ora se desfaz,



da mulher ingrata e infiel,



que tirou-lhe a inspiração,



aprisionando-o ao passado.



Abandona,poeta, as algemas!



Abre seu peito, solta a voz,



canta a canção do presente,



liberte-se do seu agoz!









09.10.11



Sentimentos V...(21)



A moça traz no coração


no corpo, nas poesias,


marcado a ferro e fogo,


o homem que tanto amou.


Todos os seus versos


exalam o cheiro da saudade


das noites mal dormidas


do amor que não vingou.


Chora as lembranças,


cantigas amarguradas,


lançadas ao vento


que um dia o levou.


Triste moça triste,


refaça sua história


abandona sua dor


que mundo não acabou!




09.10.2011






domingo, 2 de outubro de 2011

Sentimentos...V...(20)




Flores frágeis

beija-flores

Borboletas

livres,soltas.

Asas ágeis

aves pássaros

passareiam

passarinham.

Primam as cores

Primavera

Primando o ar

de quimeras

Brilha o Sol

que a Lua espera

deitar a vida

em seus braços

renovando o seu cansaço

na manhã de um

novo dia.




03.10.2011





























Sentimentos...V...(19)




Meu coração castigado


teme o desconhecido


e foge desconfiado


desprezando o desafio.

Quando você vier


não se perca, se atreva


traga um motivo qualquer


pra eu querer ficar contigo!





02.10.11








domingo, 18 de setembro de 2011

Entrelace


Entre laços e fios dos sentimentos,
entre rimas e mechas vou tecendo
tranças líricas dos meus pensamentos.
E os versos unem-se modelados
tais como são os seus penteados:
sinuosos, trabalhados, belos!

(CFigueira*)

18.09.2011

domingo, 3 de julho de 2011

Sentimentos...V...(18)



A roda viva nos move



pra outros ares,



novas paragens,



chegamos sem perceber



a esquecer antigas paisagens,



velhos sentimentos...



que se alojaram no fundo



de nossos olhos,



em nossa alma e coração...



E aí, de repente a saudade



nos encontra e deliciosamente



provamos com ela um vinho doce,



um café com pão,



um sorriso delicado



um toque de mãos.



03/07/2011

domingo, 26 de junho de 2011

Sentimentos...V...(17)




Somos diferentes


embora da mesma carne.


Não que eu acredite


que deveríamos ser iguais.


Mas que algo de mim


estivesse em vocês.


E assim sendo,


tantas vezes eu tentei


e tentarei,


mas não pensem que eu


me anularei.


Cansei dos sorrisos pedintes


e das mãos vazias de gratidão.


Sou alguém que incomoda,


que diz bobagens,


que está "por fora".


Pois então, me deixem aqui,


falando com meus botões,


porque eles,


eles estão sempre mais perto


do meu coração!












26.06.2011




domingo, 12 de junho de 2011

Sentimentos...V...(16)




Nada cala
o peito
amante,
e os olhos falam
e as mãos se tocam
em pensamento.

E há tanto amor,
há tanto amar!
Seu querer,
meu querer,
um só querer...

Não importa se hoje
não tem flores na janela,
não tem estrelas no céu...
Não importa o quanto
as memórias se perderam...
Meu coração é seu,
seu coranção ainda é meu!

* ao som de Fascinação - Elis Regina
12.06.2011

domingo, 5 de junho de 2011

SENTIMENTOS...V...(15)



Interprete meu amor como assim o desejar



Não se importe com as acentuações



ou orações descoordenadas .



Já não me interessam as frases rimadas



e sem pontuações.



Não tinha que existir,



nem ser pra mim ...



apenas isso e Fim!




05.06.11

sábado, 21 de maio de 2011

Sentimentos...V...(14)



Ele olhou a sua volta



viu os que ama,



sentiu-se amado,



sorrisos,vozes e palmas



a emoção foi tamanha



- não segurou!



Imaginei a fragilidade



do seu pensamento



talvez a indagar



se aquele momento



seria vivido



o ano que vem.









21.05.2011



quinta-feira, 19 de maio de 2011

Sentimentos...V...(13)




Vou pegar carona




num cometa




mas me prometa




que não vai demorar.




Hoje, no meu céu,




as estrelas brilham,




a noite é linda!




Vou te enluarar...












19.05.2011

sábado, 14 de maio de 2011

Sentimentos...V ...(12)




Repentina Saudade!

Tão perto te senti

...felicidade!

Corri os olhos

por entrelinhas

e nelas

te encontrei

Mas... não entendi.

O coração apertou,

eu chorei.

Ah, se eu pudesse ajudar-te!

Pelo menos

te ouvir,

te falar,

retribuir todo bem

que outrora me

fizeste.







13.05.2011


Cris.Figueira*





sábado, 7 de maio de 2011

EXALTAÇÃO À MARIA



Infinitas as denominações
que deram à Virgem Maria.
Nossa Senhora são tantas...
Das Dores, das Graças, do Parto,
da Penha, da Glória, do Carmo
do Desterro, da Luz ou da Guia.
Seja qual for a agonia,
Peça com todo fervor
e Maria passa na frente
intercede com seu amor.
Maria, rogai por nós!
Socorrei-nos, junto ao Pai,
nas lutas do dia-a-dia.
Maria, por nós, rogai!



08.05.2011




quinta-feira, 21 de abril de 2011

Sentimentos V...(11)




Uma flor lançada.


- era azul.


Os olhos brilharam.


O coração agradeceu.


Fazia tempo,não?


Provou do doce


que havia nas palavras.


Sorriu.


Voltou no tempo.


Saudade...e só!







22.04.11




SENTIMENTOS V...(10)



Eu tenho andado
assim, assim...
há pedras
e borboletas
há sol
e temporais
há perguntas
sem respostas
há passos
e piruetas.
Lá fora
o tempo
zomba
o medo
aflora
a dor
assombra
E eu tenho
estado longe ...
longe de mim.




21.04.11









sábado, 26 de fevereiro de 2011

FRASEANDO²


"CADA FOLHA QUE CAI,

UMA ESTRELA NO CÉU!"
21.02.11

Sentimentos V...(9)


Fim!

Fecha-se o livro de sua história.

O corpo frio descansa da batalha.

Na face pálida, serena,

um ar do seu tímido sorriso

confundindo-me com a realidade

do momento.

À volta a tristeza do adeus

misturava-se à paz do lugar.

Tudo tão discreto, como foram

suas atitudes.

Tudo tão silencioso como

o mal que o derrubou.

Volto os olhos como um último aceno

e uma borboleta errante

cruza meu olhar...





20.02.11




domingo, 13 de fevereiro de 2011

Sentimentos V ...(8)


Um olhar...
apenas um olhar,
timidamente arrisca.
Mas por que não
dizer neste olhar
o que de real
a instiga?
E segue confusa
por conta dos
seus medos
e sua indecisão.


13.02.11

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

ENTRE O BEM E O MAL (CIRANDA)


Nem anjos, nem demônios,

apenas humanos!

Entre o bem e o mal

uma reflexão

sobre o abismo

que nos separa

da perfeição.



Cris*



26.01.2011

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Fraseando


" Não é que eu não queira amar de novo,

é que eu resolvi

cuidar um pouco mais de mim.

Agente também pode ser feliz sozinha."


quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Utopias (Ciranda)


Partículas
matizes
frangmentos de poesias.
Devaneios
que vem e vão
ao sopro
do tempo.
Curam
acalmam
espalham-se
no vento.
Fantasias da alma,
incontáveis
lampejos.


* Para Ciranda de Ricardo Vichinsky







sábado, 8 de janeiro de 2011

Pensamento¹


" Nada como o cheiro de mato,


de terra molhada


e o vento batendo no rosto!"





07.01.11

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Fraseando


" Teço minhas poesias

com os fios que a vida

me dá."



06.01.11

Sentimentos...V...(7)


Vou rir de você...

ka ka ka ka

Será que você

não consegue entender

que deixei de te amar?

Vou rir de você...

ka ka ka ka

São tantas mentiras

que o amor fêz morada

em outro lugar!




07.01.11

Viagem...(João Aquino e PC Pinheiro)

Viagem...(João Aquino e PC Pinheiro)
Oh! tristeza me desculpe, estou de malas prontas,hj a poesia veio ao meu encontro já raiou o dia, vamos viajar...
Ocorreu um erro neste gadget

Arquivo do blog

Adorei sua visita!

Deixe seu comentário.Ele é muito importante pra mim. Cris Figueira*

"Espero no seu tocar a sutileza das asas da borboleta."(Cris)

Seguidores